segunda-feira, 15 abril, 2024
InícioCIDADESAlta Floresta: resgatar brincadeiras antigas desenvolve a socialização

Alta Floresta: resgatar brincadeiras antigas desenvolve a socialização

Resgatar brincadeiras antigas experimentando divertimentos que fizeram parte da infância de muitas gerações e ainda desenvolver habilidades sociais, consciência corporal, atenção, foco e controle de impulsos em um mundo cada vez mais urbanizado, industrializado e informatizado têm um valor cultural inestimável para as crianças.

Brinquedos e passatempos como a peteca, amarelinha, ciranda, jogos de tabuleiro, pular corda, pique-pega, pipa, entre tantos outros podem sempre ensinar algo reforçando a importância de conviver com o outro e absorver conhecimento.

Atualmente muitas das brincadeiras tradicionais perderam espaço nas preferências infantis, porém, elas que auxiliam a garotada na descoberta de si e do mundo. Deixar seu filho brincar na rua, interagir com outras crianças, se sujar e viver diversas experiências fará com que seu pequeno crie um instinto de sobrevivência, aprenda algo sozinho e supere desafios no futuro. Divertir-se com jogos infantis ao ar livre e em grupo incentivam a interação, capacidade de resolver problemas e descobrir potenciais limitações não só físicas, mas também emocionais.

Os benefícios das brincadeiras que utilizam o corpo e a mente são incontáveis e auxiliam as crianças a desenvolverem múltiplas linguagens, organizarem os pensamentos, descobrirem regras, tomarem decisões, compreenderem limites, desenvolverem a socialização e a integração com os amigos.

Em breve Alta Floresta terá um bairro onde as brincadeiras de rua poderão ser resgatadas com tranquilidade e segurança. No Aquarela Hamoa Bairro Planejado Aberto, empreendimento da JMD Urbanismo em parceria com a Família Arpini, a orla esportiva e de lazer permitirá que as crianças interajam e brinquem mais livres. Um recreador, contratado pela associação que será instituída no bairro, promoverá eventos, atividades e criará um calendário contínuo promovendo interação, harmonia e convívio entre as famílias e vizinhos gerando maior diversão e sociabilidade.

No condomínio fechado horizontal Hamoa Resort Residencial foi implantado o projeto de resgate das brincadeiras antigas com a Rua do Lazer que tem como objetivo fomentar o convívio entre as famílias através de brincadeiras em que possam participar e se divertir juntos como bets, elástico, entre outras. De acordo com a recreadora Érica Dezan, a intenção é “tentar fazer com que as crianças conheçam as brincadeiras com as quais os pais se divertiam, proporcionar momentos em família e longe de eletrônicos aproveitando todo o espaço que nosso condomínio oferece”.

De tempos em tempos é importante abrir mão dos brinquedos industrializados e dispor de momentos para interagir com os pequenos, pois, a brincadeira é um conjunto de estratégias e habilidades que possibilitam experiências lúdicas para as crianças com divertimento e criatividade

Participe do nosso grupo de Whatsapp

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais popular

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo