segunda-feira, 15 julho, 2024
InícioDesign da HomeDestaqueMauro Mendes entra para a lista de governadores presidenciáveis

Mauro Mendes entra para a lista de governadores presidenciáveis

O governador Mauro Mendes (União) entrou na lista de potenciais governadores para liderar uma 3ª via na disputa presidencial de 2026, para contrapor a polarização Lula (PT) e Bolsonaro (PL). Nacionalmente, Mendes tem investido na publicidade de sua gestão fiscal no Estado, que está entre as 3 melhores do Brasil.

Uma nota no RDM Notícias em Brasília coloca Mendes como em potencial nome para a presidência ou vice-presidência da República, juntamente com os governadores Tarcísio de Freitas (São Paulo), Ronaldo Caiado (Goiás), Romeu Zema (Minas Gerais) e Ratinho Júnior (Paraná).  

“É motivo de grande orgulho ver o reconhecimento do trabalho do governador Mauro Mendes. Agradeço também pela valorosa menção ao programa SER Família, que idealizei com muito amor e carinho e é fruto de muita dedicação”, disse a primeira-dama, Virginia Mendes, em suas redes sociais ao comentar a nota publicada.  

Mauro Mendes não esconde a sua pretensão nacional, já que tem entrado em temas nacionais como o Código Penal brasileiro, onde defende o aumento das penas para diversos crimes, como também na questão ambiental, onde vem confrontando os ambientalistas e defendendo uma flexibilização da preservação ambiental em prol do chamado desenvolvimento.  

Mendes está em seu segundo mandato de governador e deverá seguir os passos do padrinho político Blairo Maggi (PP), se lançando como candidato ao Senado em 2026. Contudo, o seu nome poderá estar em um projeto do chamado Centrão, como candidato a vice-presidente ou até presidente.  

Essa não é a primeira vez que um chefe do Executivo de Mato Grosso teve o seu nome cotado nacionalmente para disputar o Planalto. O ex-governador Dante de Oliveira também foi sondado como possível candidato a vice-presidente em 2000.   Dante detinha alto índice de aprovação popular e se tornou um dos governadores exemplo ao seguir a risca o programa de privatização do governo Fernando Henrique Cardoso no final do século passado.  

Porém, Dante acabou disputando o Senado e saindo derrotado, o que até hoje é considerado uma das maiores surpresas eleitoral de Mato Grosso.

Participe do nosso grupo de Whatsapp

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais popular

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo