Pneunorte
Publicidade
GALPÃO DO ESPORTE
Publicidade
COSTELÃO CARLINDA
Publicidade
Destaque com FotoECONOMIA

Consumo de energia elétrica no Mato Grosso segue em alta

Pelo segundo mês consecutivo, o Mato Grosso registrou a maior alta no consumo de energia elétrica entre os estados brasileiros, segundo dados preliminares do Boletim InfoMercado Quinzenal da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica — CCEE. Em abril foram utilizados 1.267 megawatts médios, volume 12% maior em relação ao mesmo período do ano passado.
 

A maior parte, quase 80%, foi demandada pelo mercado regulado, segmento que cresceu 13% no estado, no comparativo anual, e que atende residências e pequenos comércios. O restante foi consumido pela indústria e grandes empresas, como shoppings e redes de varejo, que compram energia no mercado livre. O ambiente avançou 9,5% em abril.
 

Destaque para o setor alimentício, ramo de atividade econômica que historicamente mais consome eletricidade no estado. Foram 135 MW médios utilizados em abril, crescimento de 2% em relação ao ano passado, avanço puxado pela produção agrícola, na avaliação da CCEE.
 

A extração e refino de minerais não-metálicos, outro mercado importante no Mato Grosso, demandou 46 MW médios, alta de 17%. Serviços e Comércio, que também têm participação significativa na demanda total, avançaram 54% e 31%, respectivamente, no comparativo anual, impulsionados ainda pelas novas cargas que migraram para o mercado livre neste estado.

Sobre a CCEE

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE é responsável por viabilizar e gerenciar a comercialização de energia elétrica no país, garantindo a segurança e o equilíbrio financeiro deste mercado. A CCEE é uma associação civil sem fins lucrativos, mantida pelas empresas que compram e vendem energia no Brasil. O papel da CCEE é fortalecer o ambiente de comercialização de energia – no ambiente regulado, no ambiente livre e no mercado de curto prazo – por meio de regras e mecanismos que promovam relações comerciais sólidas e justas para todos os segmentos do setor (geração, distribuição, comercialização e consumo).

Fonte
Assessoria
Viveiro interno

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Com muito ❤ por go7.site
English EN Portuguese PT Spanish ES
Skip to content