quarta-feira, 28 fevereiro, 2024
PREFEITURA ALTA FLORESTA - DENGUE
InícioCIDADESMutirão Ambiental Vale do Teles Pires é realizado em Alta Floresta

Mutirão Ambiental Vale do Teles Pires é realizado em Alta Floresta

No período de 7 a 9 de novembro, Alta Floresta recebeu o Mutirão Ambiental do Vale do Teles Pires. Com esta ação foi possível trazer a equipe técnica da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA), até os agricultores.

Na ocasião os produtores rurais tiveram a oportunidade de falar diretamente com os técnicos, onde foram esclarecidas dúvidas, e o principal, verificaram a situação do seu Cadastro Ambiental Rural (CAR), para que seja possível concretizar o processo.

Essa iniciativa foi uma realização do Sindicato Rural de Carlinda, e apoio da Prefeitura de Alta Floresta, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Governo do Estado, por meio da SEMA, Acrimat, Aprosoja, Assembleia Legislativa, Sindicato Rural de Alta Floresta, Prefeitura de Nova Monte Verde, Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), Campus Alta Floresta, sindicatos de Apiacás, Paranaíta e Nova Monte Verde, além de empresas parceiras.

O diretor do Escritório Regional da Sema, Vinicius Rezek, destaca que este é o momento em que órgão público e agricultores podem estar juntos e esclarecer dúvidas. “É uma ação voltada ao atendimento dos cadastros ambientais. Essa foi uma oportunidade de um contato direto em que os agricultores p busque solucionar essas demandas voltadas para o CAR”, pontua. Durante a realização do Mutirão foram 98 atendimentos e 347 cadastros

Para o presidente do Sindicato Rural de Carlinda, Nelson Obuti, diz que, ao participar o produtor teve a oportunidade de buscar soluções para o seu cadastro. “Está impactando para que os agricultores acessem linhas de crédito, comercialize seus produtos e, inclusive, entraves na busca por crédito”, argumenta.

A secretária de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Gercilene Meira Leite, destaca que os envolvimento dos órgãos contribui com os produtores. “Esta não foi uma ação punitiva, na realidade foi uma ação orientativa”, pontua.

De acordo com o Portal Gov.Br, o CAR é um registro público eletrônico nacional, obrigatório para todos os imóveis rurais, com a finalidade de integrar as informações ambientais das propriedades e posses rurais, compondo base de dados para controle, monitoramento, planejamento ambiental e econômico e combate ao desmatamento.

Ainda de acordo com o Portal a inscrição do imóvel rural no CAR é realizada por meio de sistema eletrônico e deverá ser feita junto ao órgão estadual competente, na Unidade da Federação (UF) em que se localiza o imóvel rural.

O prefeito Chico Gamba, que também é proprietário rural, destaca a iniciativa dos órgãos envolvidos. “Parabenizo os envolvidos e em especial o seu Nelson por ter viabilizado esse evento. A questão é muito importante para que nossa região, se o agricultor estiver com o CAR  na legalidade e poderá efetuar a venda dos produtos, entre outros serviços”, finaliza.

Beira Rio Capa

Participe do nosso grupo de Whatsapp

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais popular

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo