quarta-feira, 21 fevereiro, 2024
PREFEITURA ALTA FLORESTA - COVID
InícioDesign da HomeDestaque com FotoOperação conjunta desmantela esquema de extração ilegal de madeira em MT

Operação conjunta desmantela esquema de extração ilegal de madeira em MT

A Polícia Civil, em uma ação conjunta das Delegacias de Confresa, São Félix do Araguaia e Alto Boa Vista, desmantelou um esquema de extração ilegal de madeira e possível situação de trabalho análogo à escravidão em uma madeireira clandestina, localizada na zona rural de São Félix do Araguaia. Os trabalhos contaram com apoio das equipes da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) e da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

As diligências que resultaram na descoberta da madeireira clandestina iniciaram no dia 17 de janeiro, após a prisão em flagrante de um homem de 64 anos que estava transportando uma carga de 15 metros cúbicos de madeira ilegal. Após a prisão do suspeito, os policiais da Delegacia de Confresa iniciaram uma investigação minuciosa para identificar a origem da carga.

Durante as diligências, os investigadores descobriram que a extração ilegal era realizada na zona rural de São Félix do Araguaia por meio de uma madeireira que operava de maneira clandestina.

Com base nas informações levantadas, e buscando coibir crimes ambientais e possíveis violações de direitos trabalhistas, as equipes das delegacias de Confresa, São Félix do Araguaia e Alto Boa Vista, uniram forças à investigação contando com o apoio das equipes da Sema e Politec,

As equipes diligenciaram até local da extração ilegal, onde foi contatada não apenas a situação de crimes ambientais, como também de possível ocorrência de trabalho análogo à escravidão. No entanto, no momento da operação, nenhum suspeito foi encontrado no local, uma vez que ao perceberem a chegada dos policiais acabaram empreendendo fuga pela região de mata.

Segundo o delegado de Confresa, Victor Donizete de Oliveira Pereira, as investigações prosseguem com o objetivo de identificar todos os envolvidos no esquema criminoso. “Finalizadas as investigações, o procedimento será devidamente apresentado à justiça, assegurando que todos os responsáveis pelos crimes sejam responsabilizados conforme a legislação vigente”, disse o delegado.

A extração ilegal de madeira é uma prática que causa danos irreparáveis ao meio ambiente e é estritamente proibida. A Polícia Civil reforça o compromisso de combater atividades ilegais que ameacem a flora e a fauna da região, bem como garantir o respeito aos direitos trabalhistas. A população pode colaborar enviando denúncias de atividades suspeitas, contribuindo assim para a preservação do meio ambiente e o combate à criminalidade.

Viveiro interno

Participe do nosso grupo de Whatsapp

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais popular

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo