sábado, 13 julho, 2024
InícioDesign da HomeDestaqueOperação Freios: metade dos veículos de carga rodam com avarias na BR-163/364

Operação Freios: metade dos veículos de carga rodam com avarias na BR-163/364

Dados da Operação Freios da Polícia Rodoviária Federal apontam que 56% dos veículos de carga rodam com algum tipo de problema na rodovia. Ao todo, foram fiscalizados 1120 carretas e caminhões, somente em 2023, em pontos estratégicos da BR-163/364 em Mato Grosso. O objetivo da ação é reduzir os índices de acidentes causados pela falta de manutenção. As ações contam com o apoio da Concessionária Nova Rota do Oeste.

A Operação Freios acontece na Serra de São Vicente, Serra da Caixa Furada e em Rondonópolis, pontos com alto índice de acidentes causados por falhas nos equipamentos de freios. Dos veículos inspecionados, cerca de 45% apresentaram avarias nos freios, o principal dispositivo para trafegar com segurança e evitar acidentes. Um terço dos veículos ficaram retidos no pátio da PRF por não apresentarem parâmetros mínimos de segurança.

Foto: Assessoria

Entre as irregularidades mais comuns estavam veículos com o sistema de freios isolados em um ou mais eixos, um recurso paliativo para que o veículo possa chegar à oficina mecânica mais próxima, mas que é utilizado de maneira definitiva por alguns motoristas. Além disso, foram identificados veículos que rodavam com pneus severamente desgastados. Entre os casos alarmantes, não puderam seguir viagem motoristas que substituíram peças metálicas, como o cinto de sustentação do reservatório de ar, um importante equipamento para o funcionamento dos freios, por um pedaço de pano.

O superintendente da PRF, Arthur Nogueira, destaca que a prevenção do acidente passa pela manutenção adequada do veículo. “O foco principal da Operação é evitar que motoristas transitem com o sistema de freios e demais equipamentos inoperantes a fim de evitar colisões ou acidentes “.

Foto: Assessoria

Para realizar a fiscalização é preciso conhecimento específico sobre os componentes dos veículos. Por esse motivo, a Nova Rota do Oeste, Concessionária que administra a BR-163/364 entre Itiquira e Sinop, cede especialistas para auxiliar e orientar os inspetores da PRF nesse processo de identificação do funcionamento dos itens de segurança durante as vistorias. “Nós não somos especializados na parte mecânica específica dos veículos e a equipe da Nova Rota contribui com essa parte do trabalho. Eles têm um olhar atento e dão uma segurança ao inspetor que efetua a fiscalização”, completou o superintendente.

O diretor de Operações da Nova Rota do Oeste, Wilson Ferreira, avalia como positiva a parceria entre o trabalho de fiscalização da PRF e as equipes da Concessionária para a segurança viária e lembrou que somente em 2023, a Nova Rota já atendeu mais de 37 mil veículos com algum tipo de pane na rodovia, cerca de 1 acionamento a cada 10 minutos, em média. São viagens interrompidas por problemas como pane mecânica, pane seca, pane elétrica, superaquecimento de motor e desgaste dos pneus. Ferreira reforçou que a manutenção adequada dos veículos continua sendo fator importante para prevenir a interrupção da viagem, além de reduzir a incidência de sinistros. 

Foto: Assessoria

Participe do nosso grupo de Whatsapp

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais popular

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo