segunda-feira, 27 maio, 2024
InícioGERALCepesca autoriza pesca e transporte de onze espécies de peixes invasoras nos...

Cepesca autoriza pesca e transporte de onze espécies de peixes invasoras nos rios de MT

Na última segunda-feira (18), o Conselho Estadual de Pesca (CEPESCA) publicou uma resolução, na edição do Diário Oficial autorizando a pesca de onze espécies exóticas invasoras de peixes nos rios das bacias hidrográficas do Paraguai, Amazonas e Araguaia-Tocantins em Mato Grosso.

Conforme a resolução nº 02, de 07 de março de 2024, as espécies exóticas causam interferência negativa nas populações das espécies nativas das três bacias.

A CEPESCA entende que são exóticos aquelas espécies de peixes cuja incidência não é natural naquela bacia hidrográfica ou rio, alóctones, híbridos, ou da ictiofauna brasileira que causam interferência negativa nas populações das espécies nativas.

O artigo 2º diz que não será computado para fins de cota de captura e medidas mínimas os exemplares das espécies de peixes exóticos.

A reportagem do Notícia Exata entrou em contato com o chefe da unidade da SEMA em Alta Floresta, Vinicius Rezek, que destacou como ficará a pesca na região do rio Teles Pires.

De acordo com ele, ficou permitida a pesca e transporte das seguintes espécies: Tambaqui (Colossoma macropomum) (região do médio e alto dos rios Teles Pires e Juruena), Pirarucu (Arapaima gigas) (Rios Teles Pires, Juruena e seus afluentes), Tilápia (Oreochromis spp), Piraputanga (Brycon hilarii).

“Para a nossa região ficou permitida a tilápia, piraputanga, pirarucu em todos os rios e tambaqui ficou permitido na região do médio e do alto Teles Pires. Então, a região do médio Teles Pires é ali da balsa do Alcindo (Divisa de Carlinda com Novo Mundo), onde é a foz do rio Peixoto, sentido Nova Canaã do Norte, então é rio acima”, disse.

Esse liberação para tambaqui pega um trecho de Carlinda, Nova Canaã, Colíder, Nova Santa Helena, Itaúba, até chegar em Sinop. O alto Teles Pires já é de Ipiranga do Norte em diante, até Sorriso.

Conforme Vinicius, para a região do baixo Teles Pires que engloba o trecho para baixo da balsa do Alcindo, passando por Carlinda, Alta Floresta, Paranaíta, até Apiacás não pode capturar e transportar tambaqui.

Lista de Peixes Exóticos / Alóctones / Invasores / Híbridos nas Bacias Hidrográficas de MT

– Bacia do Alto Paraguai:

Tucunaré azul (Cichla piquiti)

Tucunaré amarelo (Cichla kelberi)

Tambaqui (Colossoma macropomum)

Tambacu (Colosoma macropomum x Piaractus mesopotamicus)

Pirarara (Phractocephalus hemioliopterus)

Corvina (Plagioscion squamosissimus)

Tilápia (Oreochromis spp)

Matrinxã (Brycon cephalus)

Pirapitinga (Piaractus brachypomus)

Pirarucu (Arapaima gigas)

– Bacia Amazônica:

Tambaqui (Colossoma macropomum) (região do médio e alto dos rios Teles Pires e Juruena)

Pirarucu (Arapaima gigas) (Rios Teles Pires, Juruena e seus afluentes)

Tilápia (Oreochromis spp)

Piraputanga (Brycon hilarii)

– Bacia Araguaia/Tocantins:

Tilápia (Oreochromis spp)

Resolucao 02_2024_Transporte Especies Exoticas

Participe do nosso grupo de Whatsapp

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais popular

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo