Pneunorte
Publicidade
GALPÃO DO ESPORTE
Publicidade
Clinica Andre
Publicidade
DestaqueECONOMIA

Leite fica 26% mais caro para o consumidor em MT

O preço do leite ficou 26% mais caro para os consumidores em Mato Grosso e os produtores estão abandonando a atividade. O preço da ração para o gado está fazendo com que os pecuaristas desistam da atividade.

O preço do litro saltou de R$ 6,20 para R$ 7,84, segundo dados da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Mato Grosso (Fecomércio-MT).

Em 2020, Mato Grosso produziu 680 milhões de litros. Neste ano, caiu para cerca de 557 milhões de litros, 18% a menos.

Uma cooperativa localizada no município de Santo Antônio do Leverger, a 35 km da capital, está quase encerrando a atividade pela falta de matéria-prima na região metropolitana.

O presidente da cooperativa, João Wanderley, disse que a situação é de redução da produção no Brasil inteiro.

“Esse reflexo não é só aqui, aconteceu em Goiás e no Rio Grande do Sul. O problema é que a mobilização e o rebanho para retomar a produção é muito longa, demora quatro anos”, afirmou.

O pecuarista Carlos Eduardo Olson fez as contas e decidiu mudar o ramo de atuação.

“O preço da ração está pesando no bolso, a ração balanceada saiu de R$ 750 para mais de R$ 2,5 mil. Teve a questão do preço do Diesel, que é um insumo necessário no campo. Antes a gente comprava a semente do capim por R$ 5, hoje é R$ 60”, contou.

Fonte
Sérgio Borges, TV Centro América
Prestiberiana Interno

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Com muito ❤ por go7.site
English EN Portuguese PT Spanish ES
Skip to content