domingo, 16 junho, 2024
InícioCIDADESÁguas Alta Floresta realizará "Teste de Fumaça" em rede de esgotamento sanitário...

Águas Alta Floresta realizará “Teste de Fumaça” em rede de esgotamento sanitário no setor J

Na tarde desta sexta-feira (24), as equipes operacionais da concessionária de Alta Floresta, empresa do Grupo Iguá,  se mobilizaram para realizar um teste de fumaça nas redes de esgoto do Setor J. O procedimento ajuda a verificar a regularidade das ligações de esgoto, nas quais o morador não deve realizar a ligação de águas pluviais. Alguns moradores puderam acompanhar o processo, que utiliza fumaça não tóxica para identificar se há ligações irregulares e avarias na rede.

O principal objetivo do teste foi verificar se há alguma ligação irregular de água pluvial (chuva) na rede de esgoto, algo proibido por lei e que impacta o saneamento e o meio ambiente. Para que essa checagem aconteça, utiliza-se um método simples: a injeção de fumaça não tóxica em poços de visita (PVs) ou caixas de inspeção (CIs) instalados ao longo da rede, com o auxílio de ferramentas específicas.

A Águas Alta Floresta alerta que cada rede de saneamento tem seu papel técnico para o transporte correto de efluentes. Dentro dessa infraestrutura urbana disponível é preciso relembrar: água de chuva não é esgoto! E por isso, a rede de esgoto não pode ser usada como drenagem e vice-versa. Cada coisa em sua rede apropriada auxilia no tratamento dos efluentes, ajudando na preservação dos rios, córregos e do meio ambiente em geral.  

“Conexões clandestinas sobrecarregam o sistema, levando ao transbordamento dos efluentes não apenas nas tubulações da rede pública, mas também, em muitos casos, dentro dos lares. Nosso objetivo é prevenir tais ocorrências e manter um padrão de serviço confiável para as famílias de Alta Floresta, proporcionando também uma contribuição efetiva à sustentabilidade ambiental”, declara Cristian Martarello, gerente operacional da Águas Alta Floresta.

Notificações – Caso haja a identificação de irregularidade após os testes, o morador responsável será notificado e receberá orientações para regularizar suas conexões em até 15 dias. O custo da regularização é de responsabilidade do morador e o não cumprimento da notificação pode acarretar multa, conforme prevê o regulamento de serviços municipal.

*atualizada às 10h41

Participe do nosso grupo de Whatsapp

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais popular

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo