Alta Floresta (MT), 20 de junho de 2018 - 09:12

Política

22/12/2017 11:09 Folhamax

Dois prefeitos de MT denunciam ameaças de morte; Estado investiga

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira (22), o presidente da Associação Matogrossense dos Municípios, Neurilan Fraga, relatou que dois prefeitos do Estado sofreram ameaças de morte nos últimos meses. A revelação surge uma semana após o assassinato do prefeito de Colniza, Esvandir Mendes (PSB), ter sido executado.

Neurilan evitou citar os nomes dos prefeitos ameaçados para que as investigações não sejam atrapalhadas. Ele levou a denúncia ao governo do Estado. “Repassei estes casos ao governador, que determinou que a Secretaria de Segurança faça a investigação”, explicou

O presidente da instituição disse que as investigações ainda estão no início. Segundo ele, os prefeitos lhe relataram as ameaças somente após o assassinato de Esvandir Mendes. “Eles se sentiram pressionados e pediram ajuda. Infelizmente o prefeito de Colniza não nos relatou essa situação”.

Neurilan Fraga contou que os prefeitos do interior ficam expostos a ausência das forças de segurança. Ele disse que, em alguns municípios, o efetivo da Polícia Militar é inferior a 5 policiais. “Já pedi ao Governo do Estado a dar uma maior atenção ao interior, principalmente nestas áreas onde existe o conflito agrário”.

MORTE DE PREFEITO

O prefeito de Colniza, Esvandir Mendes, o Vando, foi morto na última sexta-feira (15) quando retornava ao município numa Toyota SW4, em companhia da esposa e do secretário de Finanças. Ele sofreu diversos disparos de arma de fogo.

Mesmo assim, seguiu dirigindo até a cidade, onde acabou não resistindo e bateu o veículo. O secretário de Finanças foi baleado, mas já recebeu alta.

Uma força-tarefa foi montada para prender e investigar o crime. Os assassinos foram presos no sábado, numa mata nas proximidades do município. Eles foram identificados como Zenilton Xavier de Almeida, Antônio Pereira Rodrigues Neto e Welisson Brito Silva

As investigações apontam que o crime tenha sido motivado por uma dívida. O mandante foi Antônio Pereira Rodrigues Neto, empresário do ramo de posto de combustível e táxi-aéreo na cidade.


Novo whats 190Doe313ok

Notícia Exata

Endereço: Rua A-4, nº 412 - Setor A - Centro
Alta Floresta - Mato Grosso
Fone: (66) 9 9912-8992 ou (66) 9 8436-0806
Cep.: 78580-000
contato@noticiaexata.com.br

Redes Sociais

Cotação
Dólar
Euro
31/12 20:00

Notícia Exata © 2010 - 2018 - Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo