Alta Floresta (MT), 22 de abril de 2019 - 02:57

Geral

08/02/2019 10:08 Assessoria

Controladora interna do município de Carlinda é nomeada diretora da região norte da AUDICOM

A controladora interna do município de Carlinda, Pamela Eger, foi nomeada diretora da Região Norte da Associação dos Controladores e Auditores Internos Municipais de Mato Grosso (AUDICOM-MT). Com a responsabilidade de representar os colegas da categoria dos municípios da região, Pamela passa a ter representatividade estadual na luta pela defesa das prerrogativas do agentes do controle interno.

"O leque de atribuições do controle interno é amplo, pois ele é responsável por acompanhar todos os sistemas administrativos implantados, realizando ainda, a fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial, auxiliando o controle externo na missão institucional", explica a controladora.

Apesar de o controle interno ser uma exigência desde a promulgação da Constituição Federal (1988), somente em 2007, por meio da Resolução 01/2007 do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE-MT) é que passa a ser exigido dos municípios, tanto dos poderes Executivo e Legislativo, a existência dos controladores e auditores internos.

"A eficiência na atuação do Órgão de Controle Interno, depende muito da intenção dos gestores, pois um Órgão Central de Controle Interno somente consegue a sua plenitude se ele for devidamente estruturado, com recursos humanos em número suficiente, com capacitação constante, com estrutura física, mobiliária e tecnológica adequada e com remuneração compatível ao nível de responsabilidade", defende Pamela.

Para a diretora da Região Norte da AUDICOM, o bom gestor tem consciência de que o controle interno é seu principal aliado na promoção de políticas públicas, enquanto que o mau gestor, com interesses não republicanos, taxam os responsáveis por esse tipo de controle como inimigos e traidores.

"Existem atualmente em âmbito interno muitos controladores sendo fortemente assediados no ambiente de trabalho, sendo demitidos através de PAD´s (Procedimentos Administrativos Disciplinares) revestidos de ilegalidade e sendo humilhados constantemente por exercer sua função de assessoramento a Administração Pública de forma imparcial", assevera a controladora.

A AUDICOM, por sua vez, existe desde 2012, mas foi fundada formalmente somente em 2014. Desde então a associação tem lutado para garantir que o controle interno nos municípios seja praticado de forma autônoma e com liberdade. Na gestão 2019-2020, a entidade está sob a presidência do controlador interno de Rondonópolis, Angelo Silva de Oliveira.

A diretoria da associação conta também com a vice-presidente Alyna Ferreira Amaral, que é Controladora do município de Santo Afonso, 1º tesoureiro Adriano Garcia da Costa, de Santo Antônio do Leverger, 2ª tesoureira é Katia Regina da Silva, controladora do Poder Legislativo de Apiacás. A secretária-geral é Lislaine Laurindo, auditora de Campo Verde. O diretor de ética é Eloir Luiz Padilha, de Bom Jesus do Araguaia e o Diretor-Geral é o auditor Jonathan da Silva Telles, de Ipiranga do Norte.

Além de Pamela, também foram nomeados diretores regionais os controladores Robson Máximo da Costa, de Cáceres, e que dirigirá a regional Oeste, o controlador interno de Primavera do Leste, Leonardo Luiz Artuzi, que está responsável pelo regional Leste, Elias André de Lima, diretor regional do Araguaia, que é de Gaúcha do Norte, e Cristiano Viana, que é controlador da Região Sul e controlador interno de Pedra Preta.


Novo whats 190Doe313ok

Notícia Exata

Endereço: Rua A-4, nº 412 - Setor A - Centro
Alta Floresta - Mato Grosso
Fone: (66) 9 9912-8992 ou (66) 9 8436-0806
Cep.: 78580-000
contato@noticiaexata.com.br

Redes Sociais

Notícia Exata © 2010 - 2018 - Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo