Alta Floresta (MT), 17 de agosto de 2017 - 19:42

Cidades

09/08/2017 19:28 Clay Jr. - Notícia Exata

Promotor fala em acionar o GAECO para apurar situação na prefeitura de Alta Floresta

Promotor Daniel Carvalho GAECO

O promotor Daniel Carvalho Mariano, da 2ª Promotoria de Justiça Criminal da Comarca de Alta Floresta, em entrevista na tarde de hoje, quarta-feira (09), na sede do Ministério Público relatou que a situação por que passa a prefeitura municipal precisa ser investigada mais profundamente, podendo inclusive acionar o GAECO (Grupo de Atuação e Combate ao Crime Organizado).

A situação se deve ao elevado volume de licitações superfaturadas identificadas no município.


A partir do momento em que passa a ser uma situação real, porque mesmo avisando continua acontecendo o superfaturamento, então nós temos que passar para o setor criminal"

O promotor tenta descobrir se ocorre ou ocorreu repasses de valores para campanha ou devolução de valores para alguém diretamente envolvido, caracterizando crime organizado.

Ouça áudio acima.

“Essa foi uma conversa tida anteriormente porque a partir do momento em que se passa a chegar a este nível de organização é melhor trazer pessoas melhor equipadas, mas quem vai definir isso, decidir isso não sou eu, isso daí é com o meu colega Dr. Carlos Eduardo (promotor criminal), vou repassar todo o material para ele, parte já foi informada, já tenho material e assim que o restante for terminado e compilado, será repassado a ele, pois venho a dois anos tentando ajudar o município, só em conversas, tentando ao máximo ajudar o município, mas a partir do momento em que passa a ser uma situação real, porque mesmo avisando continua acontecendo o superfaturamento, então nós temos que passar para o setor criminal e ai a gente vai tomar providências e decisões, que quando passam para o setor criminal vai permanecer em sigilo para não atrapalhar as investigações” relatou.

Conforme o promotor chegam inúmeras denúncias diariamente ligadas a administração municipal por meio da ouvidoria.

“O Ministério Público não está dando conta de tantas denúncias, cada hora de uma pessoa que está trabalhando irregular, um parente, um contrato, um novo pagamento superfaturado, uma nova licitação fraudada, até de setores que estão que pagamentos em duplicidade, infelizmente é muita coisa”, disse.


Novo whats 190Doe313ok

Notícia Exata

Endereço: Rua A-4, nº 412 - Setor A - Centro
Alta Floresta - Mato Grosso
Fone: (66) 9912-8992 ou (66) 8436-0806
Cep.: 78580-000
contato@noticiaexata.com.br

Redes Sociais

Cotação
Dólar 3,1628
Euro 3,7084
17/08 10:45

Notícia Exata © 2010 - Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo