Alta Floresta (MT), 22 de setembro de 2018 - 23:25

Agronegócios

27/06/2018 04:47 Editoria com Hemília Maia | Unemat

Projeto iniciado pela UNEMAT de Alta Floresta ajuda em mapeamento da safra atual de soja em MT

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) atualiza em seu site o mapeamento das áreas de soja do estado de Mato Grosso. Neste ano-safra 2017/2018 a plataforma inova e apresenta, além de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Paraná com resultados em nível municipal.

O Projeto SojaSat - Iniciado em 2017 no laboratório de Geotecnologia Aplicada em Agricultura e Floresta (Gaaf), no campus da Unemat de Alta Floresta, o estudo conta com várias instituições parceiras, tais como a Universidade Estadual de Maringá, a Universidade Federal de Alagoas, a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, a University of Peshawar e a Louisiana State University.

"Nesta segunda edição ampliamos os esforços e conseguimos mapear os três estados, propriedade a propriedade”, afirmou o professor de Sensoriamento Remoto, Carlos Antonio da Silva Junior, doutor em Agronomia, idealizador e coordenador do projeto SojaSat.

As informações relativas às áreas municipais com plantio de soja nos três estados citados, assim como a metodologia aplicada para a obtenção das informações, estão todas disponíveis na plataforma SojaSat. O levantamento obtido por imagens orbitais e técnicas de sensoriamento remoto é resultado de cooperação entre pesquisadores da Unemat e da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste).

Em outras regiões os pesquisadores fizeram levantamento em nível estadual. “Mas mesmo assim, com dados muito confiáveis e com pequena margem de erro”, reforçou o pesquisador. Segundo Silva Junior, agora é possível obter com maior exatidão as áreas ocupadas pela soja.

Os pesquisadores ainda evidenciaram o crescimento da soja na região do Matopiba, extensão geográfica que recobre parcialmente os territórios dos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, com 4,803 milhões de hectares, o equivalente ao tamanho do país Europeu Eslováquia. No Matopiba, onde se encontram as últimas áreas contínuas do Cerrado brasileiro, estão 14,4% da área plantada no país, destacou Silva Junior.

mapeamento e o relatório técnico-científico da plataforma estão disponíveis no portal da Unemat em pesquisa.unemat.br/gaaf/sojasat


Novo whats 190Doe313ok

Notícia Exata

Endereço: Rua A-4, nº 412 - Setor A - Centro
Alta Floresta - Mato Grosso
Fone: (66) 9 9912-8992 ou (66) 9 8436-0806
Cep.: 78580-000
contato@noticiaexata.com.br

Redes Sociais

Cotação
Dólar
Euro
31/12 20:00

Notícia Exata © 2010 - 2018 - Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo