Alta Floresta (MT), 20 de junho de 2018 - 21:09

Agronegócios

07/06/2018 07:13 Editoria com Assessoria

Reprodução Animal: Alta Floresta conta com laboratório de produção in vitro de embriões

A qualidade do rebanho bovino no norte de Mato Grosso ganhou um reforço tecnológico. A Pecsa – Pecuária Sustentável da Amazônia inaugurou em dezembro de 2017 um laboratório de reprodução animal especializado na produção in vitro de embriões. O laboratório já está aberto aos criadores em Alta Floresta.

O diretor executivo da Pecsa, Vando Telles de Oliveira, explica que a motivação da empresa para a criação do laboratório é oferecer aos criadores acesso a uma tecnologia que agrega maior rentabilidade à produção, e garantir o fornecimento de animais de qualidade e origem garantida. “A qualidade genética dos animais é fundamental para aumentar a produtividade por hectare e melhorar a qualidade da carne, o que melhora os resultados de todos os elos da cadeia. Com o laboratório, podemos agora fazer parcerias de reprodução com criadores para garantir aos consumidores finais que o rebanho vem de uma origem totalmente garantida, desde o nascimento dos bezerros”.

Seguindo a metodologia de trabalho da Pecsa, o Laboratório de Reprodução Animal traz a tecnologia e os conhecimentos mais atuais disponíveis no mercado e nos centros de pesquisa para realizar a fertilização in vitro (FIV) de embriões, e depois a Transferência desses embriões em tempo fixo (TETF) . Essa tecnologia permite melhorar rapidamente a genética do rebanho, aumentando sua produtividade. Além disso, traz a vantagem de poder escolher o sexo do embrião, de acordo com a necessidade de cada produtor. O gestor de reprodução animal da Pecsa, Carlos Pellegrino, explica: “Chegamos a produzir aproximadamente 100 embriões com apenas uma dose de sêmen sexado, sendo a grande maioria dos embriões com o sexo definido”.

A tecnologia também reduz os custos de produção de embriões, com a coleta de ovários de fêmeas zebuínas abatidas em frigoríficos da região e fertilizadas com sêmen taurino sexado, como de angus, por exemplo. “Com esse processo, elevamos o mérito genético dos animais produzidos, principalmente em termos de peso à desmama, peso no abate e marmoreio”, acrescenta Carlos.

Fabiano Alvim, diretor técnico da Pecsa, ressalta a importância do laboratório não só para os produtores parceiros da empresa, que terão bezerros com alto valor agregado. “Vamos trabalhar com a venda de embriões melhorados geneticamente para que os criadores possam depois vender tourinhos e matrizes de qualidade. Dessa forma, contribuímos para o avanço da pecuária não só nas fazendas parceiras da Pecsa, mas em toda a região”.

O Laboratório de Reprodução Animal da Pecsa está localizado na Av. Ludovico da Riva Neto, nº 1318, Sala A – Canteiro Central. O atendimento é de segunda à sexta das 7h às 11h e das 13h às 17h. Mais informações pelo telefone (66) 3521-3060 ou pelo e-mail reprodução.animal@pecsa.com.br.


Novo whats 190Doe313ok

Notícia Exata

Endereço: Rua A-4, nº 412 - Setor A - Centro
Alta Floresta - Mato Grosso
Fone: (66) 9 9912-8992 ou (66) 9 8436-0806
Cep.: 78580-000
contato@noticiaexata.com.br

Redes Sociais

Cotação
Dólar
Euro
31/12 20:00

Notícia Exata © 2010 - 2018 - Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo